Você está aqui: Página Inicial > Contents > Menu > Conjuntos Instrumentais > Apresentação

Apresentação

por danielrocha publicado 24/05/2016 11h05, última modificação 06/06/2016 20h27
Conjuntos para práticas interpretativas

O Departamento de Música da UFPB possui diversos conjuntos para práticas interpretativas. O perfil de centro formador de instrumentistas tem-se evidenciado na comunidade musical através destes conjuntos criados no DeMús. Suas atividades englobam a realização de  concertos e recitais, gravação de CDs, além da participação em eventos musicais no Brasil e no exterior. Muitos dos CDs gravados por estes grupos são considerados registros ímpares da produção musical brasileira. Além disto, atuando junto a compositores e arranjadores, eles têm fomentado a criação de novas obras para diversas formações instrumentais e vocais, servindo, assim, de laboratório “vivo” para os profissionais da criação musical. Como parte desta formação, práticas interpretativas são desenvolvidas em diversos grupos camerísticos e orquestrais do quadro do DeMús. Estes incluem:

1. Banda Sinfônica José Siqueira

2. Brassil (metais e percussão)

3. Camena – Grupo de Música Antiga

4. Cellos de Câmera

5.  Orquestra Sinfônica da UFPB (OSUFPB)

6. Cellos de Câmera

7. Quarteto de Violas da UFPB

8. Grupo de Música Contemporânea SONANTIS

 



7. Coral Infanto-Juvenil da UFPB

8. Grupo de Percussão do Nordeste

9. JPSax

10. Oficina de Prática Orquestral da UFPB

12. Orquestra Sanhauá da Paraíba (Big Band)

14. Quarteto de Trombones da Paraíba

16. Quinteto de Sopros Latino-Americano