Você está aqui: Página Inicial
conteúdo
2 itens atendem ao seu critério.
Filtrar os resultados
Tipo de item






Notícias desde



Ordenar por relevância · data (mais recente primeiro) · alfabeticamente
Arquivo PDF document Invisibilidade e Resistência: relato da situação organizacional dos grupos de mulheres no território Zona da Mata Sul da Paraíba
por Rosiane Barboza da Cruz última modificação 16/01/2017 18h50 — registrado em: , ,
Trabalho apresentado no IX Congresso de Agroecologia. Resumo: Este trabalho consiste em registrar um panorama geral dos grupos organizacionais de mulheres no território da Zona da Mata Sul do estado da Paraíba, e apresentar a atual situação vivenciada pelas camponesas, bem como a identificação dos principais obstáculos para o desenvolvimento dos seus trabalhos de maneira organizada e algumas das suas dificuldades na busca dos direitos. A capital, João Pessoa, se destaca por ter órgãos públicos voltados para o atendimento à mulher e instituições de fiscalização, porém não é garantido que os mesmos cheguem a zona rural. Na pesquisa realizada foi constatada a ausência dos mais básicos conhecimentos do direito e de mecanismos que poderiam modificar a situação das camponesas nesse território. A ausência de Conselhos de Direito da mulher é um dado preocupante, pois esse órgão é responsável por fiscalizar e cobrar e implementar políticas públicas direcionadas as mulheres.
Localizado em Contents / Publicações / Artigos
Arquivo PDF document ESTUDO SOBRE A VISIBILIDADE E AS POLÍTICAS PÚBLICAS PARA MULHER NO TERRITÓRIO ZONA DA MATA SUL
por Rosiane Barboza da Cruz última modificação 16/01/2017 18h54 — registrado em: , ,
Trabalho apresentado no II Colóquio Nacional de Estudos Agrários e Culturais - Cinestar. Resumo: Este trabalho apresenta a atual situação vivenciada pelas produtoras rurais do Território da Zona Da Mata Sul do estado da Paraíba, bem como a identificação dos principais obstáculos para desenvolvimento dos seus trabalhos de maneira organizada e na busca dos seus direitos. A capital, João Pessoa, se destaca por ter órgãos públicos voltados para a mulher e instituições de fiscalização, porém não é garantido que os mesmos cheguem à zona rural. Foi constatada a ausência dos mais básicos conhecimentos do direito e mecanismos que poderiam modificar a situação das agricultoras familiares da área. A ausência de Conselhos de Direito da mulher é um dado preocupante, pois esse órgão é de suma importância para fiscalizar e cobrar os direitos e sensibilizar a questão de gênero das agricultoras. Assim como a necessidade de uma organização formal para que as políticas públicas existentes sejam acessadas.
Localizado em Contents / Publicações / Artigos